Páginas

30 de outubro de 2014

Ao som do hino, jogadores do Palmeiras pisam pela 1ª vez no gramado do Allianz Parque


Com o hino do clube tocando no sistema de som, os jogadores do Palmeiras pisaram no gramado do Allianz Parque, novo estádio da equipe alviverde, pela primeira vez, nesta quinta-feira. O clube realizou seu treinamento na arena recém-construída na Barra Funda, perto da Academia de Futebol, onde o elenco costuma trabalhar durante a semana.
Após entrarem no campo, os atletas e a comissão técnica posaram para fotos, e passaram alguns minutos admirando o estádio construído para cerca de 43 mil torcedores.
Depois, fizeram corridas ao redor do gramado e trabalharam com bola, em atividade comandada pelo técnico Dorival Júnior na preparação para a partida contra o Bahia, neste domingo, fora de casa, pela 32a rodada do Campeonato Brasileiro.
Com lesões leves, alguns jogadores desfalcaram a atividade, como Valdivia, Wesley, Lúcio e Cristaldo, que ficaram na Academia de Futebol para treinos de fortalecimento e recuperação.
Por isso, nesta quinta o time treinou com Fernando Prass; João Pedro, Nathan, Tobio e Victor Luís; Bruninho, Renato, Marcelo Oliveira e Mazinho; Diogo e Mouche. Caso se recuperem, Valdivia e Wesley devem entrar como titulares na Arena Fonte Nova.
A estreia do Allianz Parque em partidas oficiais estava inicialmente marcada para 9 de novembro, contra o Atlético-MG, mas, por problemas com laudos de segurança da Polícia Milita, deve ficar para o dia 20 do mesmo mês, contra o Sport.
Já o primeiro show que a arena multiuso irá receber será o do ex-Beatle Paul McCartney, que canta seus sucessos nos dias 25 e 26 de novembro.
Então cabe ao Sport Recife, a honra de jogar contra o Palmeiras e no andar da carruagem, veremos uma bela derrota (espero que não), que os atletas e o técnico nos mostrem o contrário. Pois, estamos vendo uma série de erros que só levam a derrotas, como, substituições equivocadas, jogadores fora de suas posições e até lateral bancando o centro avante, além, é claro, da propria diretoria profissional de futebol chegar ao cúmulo de falar que estaria na Sul Americana e nas Libertadores de 2015, com esrte elenco. 
Resta saber o que está se passando na cabeça destes senhores, que falam que a Bombonilha deve lotar com ingressos de 60,00 reais num horário de lobisomem. Finalmente, tiveram um sobejo de conhecimento e baixaram os preços para os mesmos que o São Paulo já pratica no Morumbi, vamos esperar para ver se não vamos passar mais outro vexame em 2014, que é voltar para a segundona.

Estreia de Kaká pelo Orlando será em amistoso contra o Flamengo


O meia Kaká já tem data para fazer sua estreia com a camisa do Orlando City Soccer e ela deverá ser no Brasil. Pelo menos é o que garante o clube americano, que revelou com exclusividade ao LANCE!Net a realização de dois amistosos no país, contra Flamengo e São Paulo, nesta ordem. O brasileiro já estará disponível para enfrentar o Rubro-Negro e pode inclusive enfrentar seu atual time na sequência.

O duelo diante do Flamengo, aliás, deve ser na Arena Amazônia, no dia 28 de janeiro. Já o amistoso com o São Paulo deverá ser realizado no próprio Morumbi, dia 6 de fevereiro. A data do duelo com o Tricolor, porém, está em aberto, podendo mudar dependendo da classificação do time à Copa Libertadores.
O tour pelo Brasil faz parte da pré-temporada do Orlando City Soccer, que abre suas atividades oficialmente na próxima temporada da Major League Soccer, em março de 2015. O time, cujo dono é o empresário brasileiro Flávio Augusto, terá Kaká como grande astro - o meia terá o maior salário de todo o campeonato.
E aí, quando a cabeça não pensa o clube é que paga. Este poderia ser o refrão da diretoria do São Paulo, porque atiraram nos pés e acertaram nas partes mais altas. Sem sombra de dúvidas, irão quebrar a espinha dorsal deste novo time (vice na Serie A) e depois para arranjar outro jogador que chegue pelo menos perto deta qualidade que Kaká trouxe, vai dar trabalho.

29 de outubro de 2014

Andrés Sanchez rebate acusações e diz que contas da arena estão abertas a conselheiros


O clima foi tenso no Parque São Jorge na última segunda-feira. As duas reuniões no final do dia, do Cori (Conselheiro de Orientação) e do Conselho Deliberativo, contaram com discussões entre membros. No final do segundo encontro, Andrés Sanchez fez um discurso pedindo um "bom nível" para a corrida eleitoral, que já começou.
Segundo pessoas que estiveram presentes, o ex-presidente pediu a palavra e aproveitou para falar sobre as desconfianças com o dinheiro da construção do estádio.
O cartola, agora deputado federal, usou como referência uma entrevista de Ilmar Schiavenato, um dos candidatos da oposição, para dizer que não vai admitir que as campanhas fiquem plantando dúvidas sobre seu trabalho à frente da arena - Ilmar teria dito que a nova casa corintiana é uma caixa-preta.
Sanchez voltou a dizer que as contas estão abertas aos conselheiros e qualquer um pode ter acesso. Alguns membros do Conselho já chegaram a solicitar que ele mandasse um e-mail com todos os cálculos, mas Andrés pediu que as consultas fossem feitas pessoalmente. 
Para a imprensa e os demais torcedores, o ex-presidente diz que vai abrir todas as movimentações com o estádio assim que a construção e obras internas forem terminadas, provavelmente no segundo trimestre do ano que vem.